Sobre o Gazeta Catarinense

Na edição do dia 28 de maio de 2004, a história do Gazeta Catarinense começava a ser traçada. Após muitos anos acostumados com o caminho já trilhado pelo antigo jornal O Celeiro, a comunidade regional passou a conhecer uma nova forma de fazer jornalismo. O Gazeta ainda é um menino, mas com a experiência e a responsabilidade de um adulto. Por 11 anos vem perseguindo a prática de um jornalismo de vigoroso resgate dos valores sociais trazendo em suas páginas um trabalho reconhecido pelos leitores e anunciantes. Foram centenas de fatos e acontecimentos que marcaram época, que mudaram o rumo da história de pessoas, famílias, comunidades, municípios e região. Denunciamos irregularidades, damos voz aos excluídos, estivemos sempre de portas abertas para nossas fontes, independentemente de sua crença, raça, ideologia ou sigla partidária. Fomos criticados, aplaudidos, reconhecidos, homenageados. E continuaremos traçando nossa história com o mesmo arrojo e tenacidade que serviram de norte para chegar até aqui. O que nos dá a certeza, de que o amanhã será ainda mais promissor e repleto de novas conquistas. Em apenas 11 anos de existência o Jornal Gazeta Catarinense já foi reconhecido por diversas vezes pelo trabalho pautado na ética e honestidade. O princípio do jornal é produzir um conteúdo desvinculado de qualquer comprometimento comercial ou político. O conteúdo publicado, bi semanalmente, todas as quartas e sextas-feiras, é formado por notícias factuais, releases e matérias especiais, além de programação de variedades. O público alvo atinge leitores da cidade e interior. Desde crianças e adolescentes, por meio do jornal que é entregue em escolas, profissionais da indústria e comércio e prestação de serviços, que são nosso maior nicho de mercado, até agricultores, por meio de parcerias que fazem com que o jornal chegue até as comunidades rurais. Circulamos semanalmente em 17 municípios da região. Todo o material do impresso, passa agora a ser reproduzido também no novo portal do Jornal Gazeta Catarinense. É a credibilidade do impresso, agora na internet, em todos os lugares com você.Na edição do dia 28 de maio de 2004, a história do Gazeta Catarinense começava a ser traçada. Após muitos anos acostumados com o caminho já trilhado pelo antigo jornal O Celeiro, a comunidade regional passou a conhecer uma nova forma de fazer jornalismo. O Gazeta ainda é um menino, mas com a experiência e a responsabilidade de um adulto. Por 11 anos vem perseguindo a prática de um jornalismo de vigoroso resgate dos valores sociais trazendo em suas páginas um trabalho reconhecido pelos leitores e anunciantes. Foram centenas de fatos e acontecimentos que marcaram época, que mudaram o rumo da história de pessoas, famílias, comunidades, municípios e região. Denunciamos irregularidades, damos voz aos excluídos, estivemos sempre de portas abertas para nossas fontes, independentemente de sua crença, raça, ideologia ou sigla partidária. Fomos criticados, aplaudidos, reconhecidos, homenageados. E continuaremos traçando nossa história com o mesmo arrojo e tenacidade que serviram de norte para chegar até aqui. O que nos dá a certeza, de que o amanhã será ainda mais promissor e repleto de novas conquistas. Em apenas 11 anos de existência o Jornal Gazeta Catarinense já foi reconhecido por diversas vezes pelo trabalho pautado na ética e honestidade. O princípio do jornal é produzir um conteúdo desvinculado de qualquer comprometimento comercial ou político. O conteúdo publicado, bi semanalmente, todas as quartas e sextas-feiras, é formado por notícias factuais, releases e matérias especiais, além de programação de variedades. O público alvo atinge leitores da cidade e interior. Desde crianças e adolescentes, por meio do jornal que é entregue em escolas, profissionais da indústria e comércio e prestação de serviços, que são nosso maior nicho de mercado, até agricultores, por meio de parcerias que fazem com que o jornal chegue até as comunidades rurais. Circulamos semanalmente em 17 municípios da região. Todo o material do impresso, passa agora a ser reproduzido também no novo portal do Jornal Gazeta Catarinense. É a credibilidade do impresso, agora na internet, em todos os lugares com você.